Páginas

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Bobando na Web

Um vídeo com gravação de uma conversa comprometedora entre o assessor jurídico da Secretária de Educação do Amapá e dois empresários muito próximos do governador Waldez Góes é o mais novo sucesso da internet.

Video da SEED - Parte 1

video

O assessor sem saber que estava sendo gravado entra no jogo dos empresários e revela os bastidores dos processos licitatórios do Governo do Amapá.

Falam em dinheiro, muito dinheiro. Comentam sobre a distribuição de obras e serviços entre membros do grupo político do governador Waldez Góes (PDT PA), o cancelamennto de licitação para a contratação de serviços de segurança e repasses de propinas a membros do Governo.
Adauto (Bitencourt) é o nome mais citado. Ex- presidente da Companhia de Eletricidade do Amapá - CEA, ele é o atual secretário de Educação do Amapá. Na gravação eles falam sobre os bens que Adauto possuiria sem declarar para o Imposto de Renda que incluiria uma casa em um condomínio em Salinas, o famoso balneário paraense.


Video da SEED - Parte 2

video


Joca (Jorge Luiz Ricca Grunho), tio da primeira dama Marília Góes e homem poderoso do Governo do Estado é mencionado várias vezes na gravação.

O Aldo citado na conversa seria o secretário de Segurança Pública Aldo Alves Ferreira, ex-delegado da Policia Federal do Amapá.


Video da SEED - Parte 3

video


A gravação compromete ainda quinze pessoas ligadas diretamente ao Governador Waldez Góes.

O video decolou na internet e aterrissou na Policia Federal e nos Ministérios Públicos Federal e Estadual.


Até o momento nenhum órgão de imprensa tomou conhecimento do assunto.

Mais detalhes aqui.

Um comentário:

Anônimo disse...

toooooooooooooooooooooma-teeeeee