Páginas

terça-feira, 10 de junho de 2008

Muchocho

Quem leu o comentário do deputado Federal Vic Pires Franco sobre o post Vigiando a Caverna no blog Quinta Emenda achou que os Democratas jogaram a toalha no caso do casamento com o PSDB.

Eu aprendi, na minha vida, a acreditar nas pessoas.

Aprendi também, com a Valéria, que o que não nos mata, nos fortalece.

E que Deus, quando nos fecha uma porta, é porque está abrindo outra para a nossa felicidade.

E mais, desde a minha infancia, assistindo filmes, eu via que o bem sempre vencia o mal.

Acho que assim é a vida.

Vic Pires Franco

4 comentários:

Anônimo disse...

Walter Jr,
você mais do que ninguém, sabe que não sou de jogar a toalha.
Continue a serviço do Duciomar, mas não deixe que ele contamine o seu caráter.
Abraço,
Vic Pires Franco

Walter Jr disse...

Vic, foi o que eu e várias pessoas entenderam no texto que você escreveu, principalmente no trecho “... que Deus, quando nos fecha uma porta, é porque está abrindo outra para a nossa felicidade.”
Quanto a prestar serviço ao Dulciomar você está mal informado.
Não presto nenhum tipo de serviço ao Prefeito Dulciomar.
Aluguei a minha produtora para a campanha dele a prefeito em 2004 com o seu apoio e só não participei da campanha por motivo de saúde.
Recebi um convite para fazer a campanha do PTB este ano, mas ainda não fechamos. Tenho várias propostas, mas se a do Dulciomar for for boa vou aceita-la como aceitei fazer a sua campanha para vereador, deputado Federal e para prefeito, esta última contra o próprio Dulciomar, em 2000.
Meu caráter, ao contrário do de muitos políticos que eu conheço, não está à venda e nem se deixa contaminar , Vic. Você sabe muito bem e já teve exemplos disso.
Um grande abraço,

Anônimo disse...

Walter,
obrigado por sua atenção.
Quanto ao caráter desses políticos, com certeza sei que você não me inclúi nessa sua relação. Já o Duciomar, já não tenho tanta certeza.
Quanto ao nosso caráter, o meu e o seu, não precisamos jogar confete um no outro. Já nos conhecemos bastante.
Você mais do que ninguém sabe que quando uma porta se fecha, outras nos esperam abertas. Até de onde menos esperamos.
Continuo seu admirador.
Grande abraço
vic

Anônimo disse...

É o sujo falando do mal lavado,né Vic?