Páginas

quinta-feira, 28 de junho de 2007

Manifestantes pedem punição a políticos corruptos


A deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP) participou hoje de uma manifestação organizada pelo PSol pedindo a punição de políticos envolvidos em atos de corrupção. Os alvos da vez foram os senadores peemedebistas Renan Calheiros (AL) e Joaquim Roriz (DF), mas as faixas e cartazes protestavam contra qualquer relação corrupta entre poder público e iniciativa privada.



Enredados com as explicações sobre a obtenção de recursos financeiros, usaram como justificativa a criação de rebanhos bovinos, no caso de Renan, e a compra de uma novilha, no caso de Roriz. O argumento suspeito por causa dos valores irreais virou piada na forma de um reluzente bezerro de ouro, “manchado” com cifrões e com a marca “RR”.
.



“Nossa manifestação é mais ampla. É contra toda a corrupção na administração pública. Não é possível ficar parado sabendo que 70% do dinheiro lavado no Brasil é roubado dos cofres públicos. Enquanto não acabarmos com os ladrões de dinheiro público, o povo vai continuar sofrendo com a falta de serviços e pagando impostos muito altos.



Queremos transparência nas contas públicas, punição dos corruptos e serviço público de qualidade para a população”, defende a deputada Janete Capiberibe. A socialista integra a Frente Parlamentar de Combate à Corrupção na Câmara dos Deputados.

.

A parlamentar manifestou apoio às operações de combate à corrupção desenvolvidas pelo Ministério Público e Polícia Federal, como a Operação Antídoto, no Amapá, e está mobilizada para a aprovação do projeto de lei complementar 217/2004, de autoria sua e do senador João Alberto Capiberibe, que obriga a exposição de todas as contas públicas na Internet. O projeto já foi aprovado pelo Senado Federal e só falta ser aprovado pela Câmara e assinado pelo presidente da República para virar lei.

..

2 comentários:

Val-André Mutran disse...

Tive o privilégio, Walter, de entrevistar a correta deputada do Amapá - terra em que morei e tenho as mais doces lembrancas-, para um programa veiculado em rede nacional e que pertence a Embratel.

É o paradgma de uma parlamentar correta, assim como, seu marido, o muito gente ex-senador Capi.

Val-André Mutran disse...

Escusas, pois, engoli o "i" de paradigma!!!!