Páginas

terça-feira, 5 de dezembro de 2006

Compra de votos

Tribunal Regional Eleitoral absolveu, por seis votos a zero, o candidato do PDT ao Governo do Estado, Waldez Góes, na acusação de crime eleitoral no caso da compra de cento e vinte mil carteirinhas de estudantes junto à Uecsa.(União dos estudantes Secundaristas dói Amapá).
Os juízes acompanharam o voto do relator, Carmo Antonio: a compra das carteirinhas não influiu no resultado da eleição.
Waldez ainda enfrenta mais seis processos, todos eles por compra de votos.
Nesta quinta feira vai a julgamento uma das denuncias do Ministério Público Federal.



Um comentário:

citadinokane disse...

Os Tribunais... Ah! os Tribunais...